Notícias

Zema diz que Minas gasta cerca de R$ 100 milhões por ano com conta de água de presídios

Por Redação, 02/12/2019 às 15:55
atualizado em: 03/12/2019 às 08:17

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Marco Evangelista/Imprensa MG
Marco Evangelista/Imprensa MG

O governador Romeu Zema (Novo) afirmou nesta segunda-feira que o estado gasta cerca de R$ 100 milhões por ano com as contas de água dos presídios. Para reduzir os custos, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) anunciou na sexta-feira (29) que a partir desse domingo (1º) a água está disponível 6 horas por dia nas penitenciárias.

“O recurso está muito curto. Quem sabe vamos descobrir canos furados. É uma medida preliminar ainda”, explicou o governador, que ressaltou que cada detento gasta, em média, quase o dobro de água de um cidadão em liberdade. Conforme a Sejusp, a diferença é de 88%.

Zema disse não temer uma revolta dos presidiários. “Estamos fazendo com muito critério, nada que vai afetar o dia a dia deles. Regiões mais quentes vai ser tratada de uma maneira [diferente]”, argumentou.

As declarações foram dadas em solenidade na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, onde o governador lançou o decreto do Programa Estadual de Conversão de Multas Ambientais, em que até 50% do valor das infrações podem ser pagos com o financiamento de projetos de recuperação ambiental.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link